<$BlogRSDUrl$>

terça-feira, setembro 28, 2004

Haiku madrugada

Passei ainda há pouco
Por uma mão cheia
De ruas vazias


Haiku da 1ª

Almirante dos Reis
Perante tremenda notícia
Matou-se sozinho


Haiku célere

Se não se importam
Fico por aqui

terça-feira, setembro 21, 2004

Haiku conspirativo

Os The Galarzas todos
a caminho da base ultra-secreta.
Hoje há reunião.

quarta-feira, setembro 15, 2004

Haiku Apenas Chato

Safa, estou farto
Das citações que o Sócrates rouba.
Alguém é capaz de o calar?

Haiku Chato Mas Porém

O peixe-espada
É chato e comprido
Mas grelhado é bom!

sábado, setembro 11, 2004

Haiku Tremendo

A mão molhada
foi mexer na tomada.
Ficou tremendo.

quarta-feira, setembro 08, 2004

Haikurto

O poema económico
não é
canónico

terça-feira, setembro 07, 2004

Haiku Fominha

O tacho fumegante -
uma iguaria confeccionada
em cima da trempe.

Haiku Bombeiro Voluntário

Do outro lado do
jardim olhas para mim.
Incendeias-me!

sexta-feira, setembro 03, 2004

Haiku do Anderlecht

José Veiga,
Paga aos bravos rapazes
Três cervejas belgas.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?